“A prevenção ainda continua sendo a forma mais eficaz de combate a doenças sexualmente transmissíveis e a informação ainda é a melhor ferramenta para evitar a gravidez na adolescência. Segundo pesquisa sobre HIV/AIDS (1998-2005), realizada pelo Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (Cebrap), o número de brasileiros que usam preservativo na sua primeira relação sexual aumentou em 18% entre 1998 e 2005.”
Buscando diminuir a vulnerabilidade de adolescentes e jovens às DST – doenças sexualmente transmissíveis (entre as quais a infecção pelo HIV) e à gravidez não planejada, foi desenvolvida, na Casa de Eugênia (Salvador/BA) uma atividade para adolescentes e jovens, que incluía a dinâmica chamada Árvore dos Prazeres que levava todos a refletirem sobre os prazeres imediatos, riscos e formas de prevenção para as doenças advindas desta entrega sem reflexão. Eles puderam participar ativamente trazendo questões e dúvidas sobre aspectos relacionados à sexualidade e a importância de conhecer o próprio corpo, e entender o desenvolvimento e maturação para a prática sexual, respeitando-se e também respeitando o outro.

1554225714_IMG-20190327-WA0008

Comentários

Faça parte da Obra de Fabiano!