No dia 23/03/2019, o Clube de Mídia da Casa de Amigos Dedicados (Rio de Janeiro/RJ), visitou a Aldeia Indígena Mata Verde Bonita (Tekoa Ka’Aguy Ovy Porã), localizada em Inoã, Maricá – RJ. Fomos recebidos pela índia Lídia, mãe da cacique da tribo Jurema, vez que esta não estava presente.

Entrevistada pela coparticipante Nice Cavalcanti, Dona Lídia de 68 anos de idade, com um temperamento gentil, forte e reservado, nos forneceu informações bem úteis tais como: esta aldeia é formada por 28 famílias e possui 30 crianças; todos trabalham em plantação, pesca e artesanato, que é feito no local. Também, foi relatado que no local, as crianças estudam o Guarani – língua original que fazem questão de preservar. Pelo contato frequente com os moradores de Maricá, a tribo veste-se como de maneira comum mas, quando tem festa eles se vestem a caráter, com roupas típicas.

Os integrantes do Clube de Mídia perceberam que a aldeia preserva sua cultura ao máximo, principalmente pela forte presença da idioma guarani, em placas, por exemplo. A todo instante encontramos indicadores em guarani: Yankã (canal), kokue (plantio), Noa (renda) , Nhanhemboea (escola). As ocas feitas de pau-a-pique e palha e o preparo dos alimentos ainda é feito em fogão a lenha, embora tenham energia elétrica nas ocas.

“Além de conhecer uma aldeia tão próxima de nós e esta ser chefiada por uma mulher, um detalhe inusitado ficou por conta de um cachorro enorme foi atrás da Kombi: embora dócil não queria sair e só nos deixou após a aproximação de uma das índias falando algumas palavras em guarani. Não entendemos nada mas o cachorro, obedeceu na hora” – explicou o educador Romulo Tadeu. ”

Comentários

Faça parte da Obra de Fabiano!